Edição 31

  • Expediente
  • Conselho Regional de Fonoaudiologia do Estado de São Paulo - 2ª Região

5º Colegiado

  • Diretoria
  • Presidente
  • Irene Queiroz Marchesan
  • Vice-presidente
  • Ana Maria Maaz Acosta Alvarez
  • Diretor-Secretário
  • Jaime Luiz Zorzi
  • Diretora-Tesoureira
  • Mari Ivone Lanfredi Misorelli
  • Conselheiros
  • Adriana Dutra Drigo
  • Adriana Tessitore
  • Ana Maria Maaz Acosta Alvarez
  • Aparecida de Fátima Liberato Caetano
  • Déborah Basile Rolim
  • Esther Mandlebaum Gonçalves Bianchini
  • Heline Machado Rodrigues Valente
  • Irene Queiroz Marchesan
  • Isabel Gonçalves
  • Jaime Luiz Zorzi
  • Marcia Regina Gama
  • Mari Ivone Lanfredi Misorelli
  • Maria Aparecida do Nascimento
  • Maria Emília Penhabel da Silva Camargo
  • Maria Inês Beltrat Comacchioni Rehder
  • Maria Thereza Mendonça Carneiro de Rezende
  • Mônica Villaça Sevestre
  • Olga Kashina Rebello da Silva
  • Renata Rangel Azevedo
  • Silvia Maria Rebelo Pinho
    • Delegada Regional da Baixada Santista
    • Ana Paula Machado Goiano Mac Kay
    • Delegada Regional de Marília
    • Célia Maria Giacheti
    • Delegada Regional de Ribeirão Preto
    • Marília Montoro Cardoso dos Santos
    • Órgão Oficial de Comunicação do Conselho Regional de Fonoaudiologia do Estado de São Paulo - 2ª Região.
    • Comissão de Divulgação
    • Márcia Regina Gama
    • Adriana Tessitore
    • Maria Emília Penhabel da Silva Camargo
    • Redatora/Editora e Assessora de Imprensa:
    • Lourdes Augusto - Mtb. 14.650

    Fotografia: Osmar Bustos

    Ilustração: Vicente Mendonça

    Anúncios: Fábio L. Almeida Neves

    Diagramação/Editoração Eletrônica e Fotolito: Dmag

    Impressão: Prol Editora Ltda

    Tiragem: 7.000 exemplares

    Periodicidade: Bimestral

    • Redação: Rua Dona Germaine Burchard, 331
    • CEP 05002-061 - São Paulo
    • Fone/Fax: (011) 3873-3788

    As opiniões emitidas em matérias assinadas, bem como os anúncios, são de inteira responsabilidade de seus autores. Os textos aqui impressos poderão ser reproduzidos, desde que mencionada a fonte.

    Editorial

    Crescimento da Fonoaudiologia é a nossa Comemoração

    Dia 9 de dezembro se aproxima, e esta é a data da comemoração do Dia do Fonoaudiólogo. A pergunta é: temos o que comemorar? E a resposta é: sim. Apesar de todas as dificuldades que a Fonoaudiologia têm enfrentado, e estas dificuldades não são poucas, mesmo assim, quero acreditar que temos o que comemorar.

    Pela primeira vez criamos uma campanha única, na qual o Brasil todo participa de forma sincronizada para a comemoração deste dia. A importância deste ato é que, ao mesmo tempo, em diferentes partes do país, muitos estarão sendo informados a respeito da importância desta profissão, através de rádios e outdoors, com uma campanha de divulgação atuando de maneira uniforme e maciça.

    Especialmente para você, profissional, em comemoração a este dia, estamos enviando o “Guia de Auxílio ao Fonoaudiólogo”. Este guia tem como objetivo facilitar a procura de outros colegas ou serviços, direta ou indiretamente ligados à nossa área. Agradecemos a todos que, a partir de nossas solicitações via Jornal do Conselho, enviaram seus dados para que os mesmos constassem deste guia. A você, que ainda não enviou seus dados, mas que quer constar da edição do próximo guia, preencha a ficha que estará no seu jornal, a partir de janeiro/2000, e nos envie com urgência. Lembre-se de que este guia, embora tenha uma tiragem determinada, será distribuído não somente aos profissionais da área, mas a todos os que dele necessitem.

    Outros fatos que nos fazem ter a certeza de que a profissão está crescendo dizem respeito ao número crescente de artigos publicados nas diferentes revistas que estão surgindo. Podemos falar também do Congresso Internacional de Fonoaudiologia, que reuniu cerca de 2.500 pessoas, com uma grade científica de alto nível, composta por mais de 250 conferências, 400 temas livres e em torno de 150 posters. Os principais avanços científicos e as novas tendências da Fonoaudiologia puderam ser presenciadas neste evento.

    Não poderíamos deixar de falar também da diversidade de novas áreas de atuação que, a todo momento, aparecem graças aos esforços de nossos jovens colegas que, em busca de expansão do trabalho, criam novas fontes de pesquisa e de possibilidades de atuação.

    Problemas? Temos vários. E creio que nem poderia deixar de ser desta forma uma vez que estamos crescendo muito rápido e, às vezes, até de forma meio desordenada. Mas isto não deve ser criticado. Não podemos e nem devemos segurar o crescimento. Devemos, isto sim, ajudar a organizá-lo tentando compreende-lo melhor e solidificando nossa expansão. O mercado de trabalho é o regulador natural de tal crescimento. É ele que irá, naturalmente, excluir o que não é bom deixando crescer, e permanecer, o que interessa para a população.

    De que modo iríamos pensar, até pouco tempo atrás, em trabalhos como atendimento aos queimados, aos traumas da face, a até mesmo em estética facial? A necessidade do mercado de trabalho tem sido mais rápida do que o ensino regular aplicado nos bancos escolares. A prática tem caminhado à frente e este é um fenômeno dos novos tempos. A necessidade cria o mercado e, cabe a nós, garantir qualidade e cientificidade aos novos campos de atuação.

    A Fonoaudiologia está de parabéns. Devemos nos orgulhar de nossa escolha profissional.

    Os membros deste Conselho desejam a você, profissional atento, que investe em seu aprimoramento ético e científico, contribuindo para uma melhor profissionalização, votos de muito sucesso e o desejo, e também a esperança, de um ano novo ainda melhor.

    • Irene Queiroz Marchesan
    • Presidente
    Edição 31

     

    Contato

    Fale com a Presidente

    • presidente.crfa@fonosp.org.br

    Localização

    • R. Dr. Samuel Porto, 351 – 10º andar, cj. 101
    • Saúde, São Paulo - SP
    • CEP: 04054-010