Série #quemsomos: SUS e setor privado

A terceira matéria da série baseada em pesquisa do DIEESE sobre a realidade do fonoaudiólogo do estado de São Paulo destaca os dados sobre a presença do profissional no SUS e no setor privado.

A terceira matéria da série baseada em pesquisa do DIEESE sobre a realidade do fonoaudiólogo do estado de São Paulo destaca os dados sobre a presença do profissional no SUS e no setor privado.

Ao analisar a distribuição de empregos formais da Fonoaudiologia entre o setor público e privado em 2017, a pesquisa do DIEESE observou uma proporção expressiva de entidades sem fins lucrativos, que agrupavam 38,7% dos vínculos, e do setor público municipal, 35,5%. Já as empresas privadas eram responsáveis por 22,3% do emprego formal da categoria. De 2007 a 2017, segundo a pesquisa, houve uma ampliação da proporção dos vínculos empregatícios dos fonoaudiólogos no setor privado que, em 2017, ocupavam mais de 60% do total do emprego formal de fonoaudiólogos.

 

Problematização das Organizações Sociais de Saúde
Seria, portanto, o setor privado quem mais emprega fonoaudiólogos no estado de São Paulo? Essa pergunta não é tão simples de responder. Isto porque parte considerável da saúde pública paulista é gerida pelas Organizações Sociais de Saúde (OSSs), entidades privadas sem fins lucrativos que atuam em parceria formal com o Estado, desde à captação de recursos públicos à prestação de serviços gratuitos à população.

Nesse sentido, pela natureza jurídica das OSSs, contrato privado portanto, a distribuição de empregos formais das entidades sem fins lucrativos deve ser contabilizada para o setor privado. No entanto, pelo critério do financiamento estatal e da prestação de serviço público, não podemos também concluir que os profissionais das Organizações Sociais de Saúde compõem as vagas dos postos de trabalhos formais do setor público? Sob essa perspectiva, é possível aferir que mais de 70% dos fonoaudiólogos paulistas estão empregados no setor público.

 

CONFIRA OUTROS ARTIGOS DA SÉRIE:
- Crefono 2 lança série de matérias sobre a realidade atual do fonoaudiólogo no estado de São Paulo
-
A Fonoaudiologia no Mercado de Trabalho

- Cobertura fonoaudiológica no estado de São Paulo
- Série #quemsomos: graduação em Fonoaudiologia e os futuros fonoaudiólogos

Contato

  • (11) 3873-3788
  • info@fonosp.org.br

Localização

  • Rua Dr. Samuel Porto, 351 – 10º andar, cj. 101
  • Saúde, São Paulo - SP
  • CEP: 04054-010

Redes sociais